featured reflexões

Verdadeira humildade: A única atitude que nos convém

16:04:00Gian de Carvalho



O temor do Senhor ensina a sabedoria, e a humildade antecede a honra.. 

 Provérbios 15.33

Quando vemos e estudamos sobre a soberania de Deus e nossa responsabilidade, sabemos: Ele, em Sua onisciência, sabe de todas as coisas, mas mesmo assim, nos permite ter a sensação indescritível de liberdade, mesmo que tudo já tenha partido dEle. Nesta sensação é que notamos a lógica da figuração dos trilhos do trem, onde ambos andam lado a lado e se findam unidos no horizonte com um só fim e propósito. Assim, a soberania de Deus nos permite ter a liberdade e o encargo de viver e pregar o Evangelho, e isso, na verdade, é impossível explicar. 


Como diria o Rev. Augustus Nicodemus Lopes¹: Creio que Deus é absolutamente soberano e onisciente, sem que isso, contudo, anule a responsabilidade do homem diante dEle. Para mim, isso é um mistério sem solução debaixo do Sol. Não sei como Deus consegue ser soberano sem que a vontade de suas criaturas seja violentada. Apesar disto, convivo diariamente com essas duas verdades, pois vejo que estão reveladas lado a lado das Escrituras, às vezes num mesmo capítulo e até num versículo. (Ex.: Atos 2.23).

Esta foi uma pequena tentativa (mesmo que seja impossível) de explicar esta doutrina que leva várias pessoas ao delírio, mas que, no final e na eternidade, saberemos como foi possível. Aprenderemos na infinidade da sabedoria de nosso Deus, que, sem sombra de dúvidas, explicar-nos-á com toda fraternidade, expressando a beleza de Sua Santidade. 

Mas que lição tiramos disso tudo? Humildade! Sim, humildade. Usei este espaço dentro da doutrina bíblica, para declarar sobre humildade. O estudo da Soberania divina e da responsabilidade humana, entre tantos outros, nos mostra que não somos nada e de que nossa limitação é extrema comparada aos atributos eternos de nosso Deus. Deus não nos deu a capacidade entender certas coisas, justamente para nos dar este ensino, quebrar o nosso orgulho e mostrar realmente quem e como somos, negando, assim, a nós mesmos e gerando gloria ao Pai. 

Por isso, ainda que tudo esteja no controle de Deus, esforça-te, pois isso confirma que o Espírito Santo está em você e agindo através de você, sem medo ou preocupação, apenas faça, tomando sempre como princípio a humildade, que, em minha opinião, é a base de uma vida cristã saudável, pois é a única atitude que nos convém.

Como diria João Calvino² em partida da declaração de Agostinho sobre a humildade: “Todavia não considera como humildade quando, cônscio de alguma porção de virtude em si próprio, o homem não cede ao orgulho; mas, ao contrário, quando ele sente verdadeiramente que nenhum refúgio possui senão na humildade. ‘Ninguém’, diz ele (Agostinho), ‘se lisonjeie por si mesmo não passa de um satanás. Do que é partilhado, isso ele o tem somente de Deus. Pois, que tens de teu senão o pecado? Toma para ti o pecado, porque é teu, já que a retidão é de Deus.’³ Ainda: ‘Por que tanto se presume da possibilidade de nossa natureza? Está chagada, dilacerada, arruinada, perdida. Tem ela necessidade de verdadeira confissão, não de falsa defesa.’4 De novo: ‘Quando alguém reconhece que em si mesmo nada é e nenhuma ajuda tem de si próprio, dentro de si estão quebradas as armas da impiedade sejam despedaçadas, sejam esmigalhadas, sejam consumidas pelo fogo, e permaneças inerme, nenhum recurso tenhas em ti mesmo. Quanto mais fraco és em ti, tanto mais te sustém o Senhor.’5

“Portanto, quer comais, quer bebais ou façais outra coisa qualquer, fazei tudo para a glória de Deus.” 

1Coríntios 10.31 

1: Postagem de em rede social.
2: As Institutas, 2.2.11.
3: Sobre o evangelho de São João, 49.
4: Sobre a natureza da Graça 53, 62.
5: Sobre o Salmo 46.




You Might Also Like

2 comentários

Mensagens Mais Lidas

Pensamentos e Reflexões Cristãs

Formulário de contato